fajudislogo copy.png

A FAJUDIS foi fundada em 1993, surgindo da necessidade de criar uma estrutura distrital para apoiar, dinamizar e representar as associações juvenis no distrito, promovendo o desenvolvimento e afirmação do tecido associativo juvenil.

 

Assim, a Federação tem como missão apoiar e desenvolver o associativismo no distrito, tendo como objetivo permanente de ação representar e defender os interesses das associações do distrito, junto das diversas entidades públicas e privadas, sempre com o intuito de valorizar e promover as mesmas, salientando as suas potencialidades no desenvolvimento local e na formação da juventude.

 
 

Serviços & Centro de Recursos

Gabinete técnico de apoio ao associativismo:

Consultoria e Apoio técnico às Associações

  • Apoio técnico à atividade regular da associação, à gestão e monitorização da mesma, ao desenvolvimento de atividades e na resolução de questões burocráticas e legais;

 

  • Apoio técnico ao desenvolvimento das associações com informações e apoio técnico na execução de candidaturas locais, nacionais e internacionais a fontes de financiamento, assim como acompanhamento às mesmas no seu desenvolvimento e avaliação;

 

  • Apoio técnico e acompanhamento na área fiscal, financeira e jurídica.

 

  • Ações de formação/informação para potenciar o desenvolvimento e crescimento das associações, por exemplo: Fiscalidade e contabilidade nas associações; Comunicação nas associações; Angariação de fundos e projetos- da conceção à avaliação; Gestão associativa; Liderança e motivação; Organização e gestão de eventos, entre outras.

Gabinete de Apoio á Juventude

  • Formação/Empreendedorismo e Empregabilidade juvenil

 

  • A FAJUDIS acolhe estágios profissionais, curriculares, projetos de inserção/inclusão social, profissional e ocupacionais.

  • Apoio técnico e disponibilização de um serviço de apoio à procura ativa de emprego e dá a conhecer mecanismos e fornece ferramentas para o seu objetivo.

  • A Federação tem também ao dispor formações que possam emponderar a juventude com competências pessoais, sociais e profissionais que lhes possibilite um vasto leque de oportunidades na sua vida futura, como por exemplo:

    Como elaborar um CV;
    Procura ativa de emprego e entrevista; Direitos e deveres dos/as jovens enquanto cidadãos/ãs europeus/ias; Cidadania e participação ativa; Desenvolvimento pessoal; Oportunidades nacionais e internacionais para a juventude, entre outras.

Gabinete para a Igualdade

 Voluntariado e participação ativa

 

  • Divulgar, sensibilizar e promover a consciência cívica dos/as jovens tornando-os cidadãos/ãs ativas na sociedade, tendo como base as seguintes temáticas:

  • voluntariado, igualdade,solidariedade, inclusão social, sustentabilidade ambiental e alterações climáticas, desenvolvimento local, cooperação internacional, dimensão europeia, empreendedorismo,intergeracionalidade, interculturalidade, cultura, património e tradições comportamentos e estilos de vida saudáveis

 

As mesmas são trabalhadas/aplicadas nas seguintes atividades/eventos:

 

  • Organização debates formais e informais;

  • Workshopse tertúlias temáticos;

  • Horas associativas;

  • Encontros locais, distritais e nacionais de juventude e associativismo;

 

  • Momentos de diálogo estruturado com decisores políticos locais, nacionais e europeus;

  • Apresentações e visitas a exemplos de boas-práticas;

  • Ações de sensibilização nas escolas e outras entidades;

  • Atividades lúdico-desportivas;

  • Atividades culturais e recreativas;

Animação e Organização de Eventos

  • Na vertente de animação e organização de eventos a FAJUDIS encontra-se disponível com uma equipa de jovens voluntários para participar ativamente nos vossos eventos numa vertente de dinamização de atividades de animação para crianças, jovens e adultos.

    Por outro lado, podemos dinamizar eventos pontuais em parceria, com serviço de bar/restaurante, animação musical e cultural.

Incubadora associativa

  • Apoio à criação de associações juvenis, de carácter juvenil ou que de alguma forma ou em algum momento efetuem atividades com e para jovens. Este apoio engloba, entre outros, a elaboração de estatutos, regulamento interno, atas, registo e legalização;

Recursos Existentes na Fajudis

Add a Title
Add a Title

Describe your image

press to zoom
Add a Title
Add a Title

Describe your image

press to zoom
Add a Title
Add a Title

Describe your image

press to zoom
Add a Title
Add a Title

Describe your image

press to zoom
1/12
 
Shadow on Concrete Wall
riba.png
riba.png
riba.png
riba.png

Combate à desertificação do Ribatejo Interior

ENQUADRAMENTO

Projeto apoiado pela Rede Rural Nacional – PDR2020, no âmbito da área temática “Jovens nos Territórios Rurais e Luta contra a Desertificação”, tema prioritário “TP2 Identificação de constrangimentos e potencialidades dos territórios rurais mais despovoados e com maior risco de desertificação física”.

 

PARCEIROS

TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior
Associação de Agricultores de Abrantes, Constância, Sardoal e Mação
EPDRA – Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes
FAJUDIS – Federação das Associações Juvenis do distrito de Santarém
TAGUSVALLEY – Tecnopolo do Vale do Tejo

 

OBJETIVOS

Objetivo geral: contribuir para o combate à desertificação do Ribatejo Interior

 Objetivo(s) específico(s):

– Sensibilizar as entidades e população local para a importância de combater a desertificação em Abrantes, Constância e Sardoal;

– Refletir sobre os constrangimentos existentes no Ribatejo Interior;

– Dar a conhecer aos jovens as potencialidades endógenas do Ribatejo Interior fomentando a criação de dinâmicas de empreendedorismo na região;

– Conhecer boas práticas de luta contra a desertificação e transferir conhecimentos para o território.

 

ATIVIDADES

  1. Workshop’s de reflexão sobre os constrangimentos e potencialidades do Ribatejo Interior;

Esta iniciativa consiste na organização de sessões de auscultação da comunidade escolar (nível secundário e do ensino superior) para, por um lado, compreender quais os motivos que condicionam a sua fixação no espaço rural e, por outro, identificar o potencial existente nos concelhos de Abrantes, Constância e Sardoal.

  1. Grupos Focais

Dinamização de 3 grupos focais destinados a diferentes agentes territoriais (empresários, organismos públicos, associações, desempregados/à procura do 1ºemprego, população local etc) na expectativa de saber as razões que estão na origem da desertificação

  1. Ações de benchmarking

Com o intuito de conhecer alguns projetos de boas práticas desenvolvidas nesta temática e na perspetiva de aportar conhecimento e ideias de metodologias para aplicar no Ribatejo Interior, a parceria pretende organizar 2 ações de benchmarking: uma visita nacional e uma visita internacional a exemplos de metodologias que confirmam que as áreas rurais são espaços de oportunidade, inovação e desenvolvimento. 

  1. Ciclo de reflexão sobre oportunidades dos territórios rurais

Realização de uma sessão de apresentação de alguns bons exemplos de projetos dinamizados no combate à desertificação que sirvam de evidência de que é possível contribuir-se para minimizar os efeitos desta problemática global, agindo localmente.

logos.png
 

Entra em contacto connosco

A Federação Disponibiliza-te várias formas de contacto para não ficares sem informação bem detalhada!
 

Podes nos contactar via:

  • Facebook

  • MAIL

  • Formulário

  • Telemóvel 

R. Luís de Camões N.9, 2250-066 Constância, Portugal

927 121 456

Obrigado pelo envio!